7 de outubro de 2008

E as palavras?

Sabe uma coisa que me irrita demais? Palavras que não são medidas e são faladas, para quem quiser ouvir, e que se dane quem não curte, e ai segundos depois a gente percebe que as vezes palavras que não são medidas, podem fazer mal a nós mesmo, hoje mesmo, me peguei falando de um guri, que estava muito perto de mim, sim eu falei mal dele por gosto, e de repente, ele me larga uma serie de 3 palavras que nem merecem ser comentadas, palavras que não tem muito a ver com o que aconteceu entre a gente, e mesmo que na cabeça dele tenha, e se , na cabeça dele tiver, eu juro, ele não anda bem.

Mas daí eu parei e pensei, eu sei que o que eu fiz não foi legal, mas agora o que ele fez com certeza foi bem pior, até por que essa tal coisa que ele fez, ele fez antes de eu fazer essa minha tal coisa ridícula que deixou ele tão furioso.

Nessa semana eu tenho escutado tantas palavras que não tem sido medidas, como eu te amo ou ate mesmo coisas mais profundas, ai que saco isso, palavras que não são medidas e são largadas ao vento me irritam como nada do mundo.

3 comentários:

liziane disse...

oi! Adorei Isadora!!! escreva sempre, escreva tudo! PErfeito! grande bj!

Renata Severo disse...

Isadora!!!! Teus textos estão beeemmm legais e autênticos!!!
Bahhhh, tu tem talento pra isso guriazinha!
Beijão
Mami

Betina disse...

Esta guria tem uma criatividade q eu nem sei daonde ela tira pra fazer um texto por dia!!


adoro/este/blog!